Manaus, 20 de junho de 2024

Festivais

Foto: Arleison Cruz/Divulgação
Foto: Arleison Cruz/Divulgação Foto: Arleison Cruz/Divulgação

Boi Caprichoso retoma edital de toadas para álbum

Toadas podem ser inscritas até o dia 25 deste mês de abril.

Da redação

O Boi Caprichoso anunciou, nesta quarta-feira (14/4), a reabertura do edital de toadas que irão compor o álbum ‘Terra: Nosso Corpo, Nosso Espírito – Volume 2’. Os compositores poderão inscrever obras gravadas em voz e violão ou em estúdio. Confira o edital, ao final.

As inscrições começaram quarta-feira (14/4), e seguem até o dia 25 deste mês de abril. Serão escolhidas 12 toadas dos gêneros livres e genéricas.

Foto: Arleison Cruz/Divulgação

No ato da inscrição, devem ser informados o nome da toada; nome dos compositores, com respectivos números de RG e CPF; cópias do RG, CPF e comprovante de residência; além da letra da toada composta, em arquivo do tipo DOC ou TXT, fonte Arial ou Tahoma, tamanho 12; e a gravação da música em formato MP3, produzida e identificada apenas com o nome da obra.

O presidente do Boi Caprichoso, Jender Lobato, ressaltou que a abertura para a inscrição de toadas gravadas voz e violão é uma estratégia pensada por conta das dificuldades da pandemia na vida dos artistas, no caso, os compositores.

“A gente sabe que as pessoas estão passando por momentos financeiros bem complicados. Pensamos nisso para evitar o custeio das gravações dentro de estúdio. Tenho certeza que faremos um grande álbum musical”, afirmou.

O bumbá alertou que os compositores que desejem produzir as toadas em estúdio, com arranjos e voz, obedeçam todas as regras sanitárias estabelecidas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), Ministério da Saúde, decretos estaduais e municipais.

Retomada do edital

O edital tinha sido cancelado pelo presidente do bumbá, em janeiro, por conta do pico da pandemia da Covid-19 no Amazonas. O projeto foi contemplado no edital Feliciano Lana, da Lei Aldir Blanc, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (SEC-AM).

“Nós aprovamos esse projeto na Lei Aldir Blanc, através do nosso conselheiro de arte, Márcio Braz, para a gravação do álbum volume 2. A partir de agora, reabrimos as inscrições para os compositores participarem. Abrimos, depois de muitos anos, para os compositores apresentarem toadas voz e violão”, explicou o presidente.

Edital

As composições podem ser enviadas para o e-mail [email protected], junto com as informações exigidas no edital.

O edital e o um modelo de ofício estão disponíveis no link https://drive.google.com/folderview?id=1-3904zsucd0T1HgF3-cU_3GTk_3xNFj8.

COMPARTILHE

error: Este conteúdo está protegido!