Manaus, 13 de julho de 2024

Festivais

Foto: Pedro Coelho/Boi Caprichoso
Foto: Pedro Coelho/Boi Caprichoso Foto: Pedro Coelho/Boi Caprichoso

Caprichoso apresenta projeto do novo complexo do curral Zeca Xibelão ao prefeito de Parintins

Bi Garcia, Mateus Assayag e Telo Pinto visitaram o espaço.

Com informações da assessoria

O presidente do Boi Caprichoso, Jender Lobato, apresentou ao prefeito de Parintins, Bi Garcia, o planejamento em execução dos trabalhos de transformação do curral Zeca Xibelão e da Escola de Artes Irmão Miguel de Pascale em um complexo sociocultural. O administrador municipal visitou o patrimônio do bumbá, acompanhado do presidente da Câmara de Parintins, Mateus Assayag, e do vereador Telo Pinto, na sexta-feira (9/4).

O projeto, idealizado por Jender, visa integrar o curral à área da Escola de Artes, com praça de alimentação. O novo espaço contará com a inclusão de acessibilidade para pessoas com deficiência, além de banheiros para os dançarinos, coreógrafos e músicos.

“Vai se tornar um ambiente dinâmico para receber com muito conforto as pessoas. Nossa ideia é voltar a ter mesas com cadeiras para os idosos assistirem as apresentações, por exemplo”, informou o presidente do bumbá. 

Mesmo com dificuldades pela não realização do Festival de Parintins desde 2020 por conta da pandemia da Covid-19, o dirigente disse que o Boi Caprichoso tem um planejamento para a reformulação da área. “Essa abertura da parte da lateral entre o curral e a escolinha será um grande marco, porque vai trazer o retorno das famílias ao Zeca Xibelão, com brinquedoteca para as crianças se divertirem. Tenho certeza que ficará muito bonito e dará orgulho à nação azulada”, afirmou.

Jender Lobato mostrou a estrutura a Bi Garcia, Mateus Assayag e Telo Pinto. Fotos: Pedro Coelho/Boi Caprichoso

Com a revitalização, o complexo ficará aberto ao público, com acesso ao memorial às vítimas da Covid-19 e ao Centro de Documentação e Memória (Cedem). “Só a pintura do nosso querido ídolo Arlindo Jr já trouxe muita gente para fazer fotos. Teremos vários outros pontos dentro do curral para as pessoas conhecerem. É um pouco da reconstrução da história do Boi Caprichoso. Estou muito confiante de que, embora não tenha festival, a gente vai poder resgatar nossas raízes e colocar o nome do Zeca Xibelão através de uma imagem”, ressaltou Jender. 

Bi Garcia lembrou que a estrutura do espaço precisa ser preservada, independente da realização do festival. “Vai muito da criatividade de cada presidente manter essa estrutura renovável o tempo todo. Em nossos governos, a Prefeitura de Parintins sempre foi parceira dos bois, tanto na captação, quanto no repasse de recursos. Conheci esse trabalho para que o patrimônio seja preservado, que futuramente a gente possa sair da pandemia e ter a alegria do boi-bumbá novamente na nossa cidade”, destacou o prefeito.  

O presidente da Câmara de Parintins, Mateus Assayag, parabenizou o Caprichoso pelo trabalho em andamento no curral. “Nós, enquanto vereadores, apoiamos a cultura e a arte da terra, a festa do boi-bumbá, nossa grande tradição. Com certeza, de mãos dadas, somamos forças com o Jender e toda nação, para que a gente possa estruturar cada vez mais o Boi Caprichoso”, disse.

COMPARTILHE

error: Este conteúdo está protegido!