Manaus, 3 de dezembro de 2021

Roteiros

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação Foto: Divulgação

Saiba onde tomar café regional em Manaus

O Portal Edilene Mafra preparou um roteiro com algumas opções.

Por Júlia Rodrigues

Manaus possui várias opções para degustar cafés regionais. Nem é preciso esperar os fins de semana ou aquele feriado, pois alguns desses espaços também funcionam durante a semana. O Portal Edilene Mafra preparou um roteiro com algumas opções.

Quando o assunto é café regional, o amazonense está sempre em busca da tapioca perfeita, do x-caboquinho mais recheado ou da banana frita mais suculenta. Saiba, a seguir, quais locais de Manaus oferecem essas e outras delícias da culinária amazônica.

Café Regional Priscila

Considerado por muitos a melhor opção da cidade (e da estrada), o Café Regional da Priscila atrai turistas e amazonenses.

Em todas as filiais do empreendimento, o cardápio é composto por itens típicos da região e outros nem tanto. Priscila possui mais de 100 receitas, entre elas, algumas de influência nordestina, como a farofa de carne de sol. 

Horário e dias de funcionamento: de segunda a sexta – 6h30 às 18h30; sábado e domingo, das 6h30 às 12h30.

Localização: Avenida do Turismo, 1301, Ponta Negra; Avenida Tancredo Neves, 220, Parque das Laranjeiras e Rodovia Manoel Urbano (AM-070), no município de Iranduba, onde há duas unidades.

Café Regional Tapiri

O Tapiri foi construído em modelo de choupana, com toras de madeira cobertas de palha. Seu estilo é de uma típica moradia dos caboclos residentes às margens dos rios do Amazonas.

O café regional é composto por mais de 50 itens, sendo inspirado na culinária amazonense e na cozinha tradicional brasileira. O estabelecimento funciona no sistema de rodízio.  

Valores

Adultos pagam R$ 35. Crianças com até 3 anos de idade não pagam. O rodízio para crianças de 4 a 10 anos custa R$ 15. O marmitex para viagem custa R$ 60, o quilo.

Horário e dias de funcionamento: sábados, domingos e feriados, das e 7h à 13h.

Localização: Avenida Jacira Reis, nº 650, (antiga Travessa Ponta Negra), bairro São Jorge, Zona Oeste de Manaus. 

Café com Leite

O cardápio vai de opções regionais às fitness. Uma das especialidades da casa é a ‘cabocona’, com muito queijo coalho e tucumã. Apesar do cardápio, o carro chefe é o visual do estabelecimento. 

Horário e dias de funcionamento: às segundas, funciona de 15h às 19h30; de terça a sexta, das 7h às 11h e das 15h às 19h30; sábados, de 7h às 12h e das 15h às 19h30; e aos domingos, de 7h às 12h.

Localização: Rua Rio Jamary, 23, Nossa Senhora das Gracas, Zona Centro-Sul de Manaus, e Avenida Coronel Teixeira, 3080, Ponta Negra, Zona Oeste.

Feira do Parque 10

O espaço conta com vários boxes que oferecem café regional e diversas especialidades no cardápio. Pupunha, tucumã, tapioca e café coado no pano estão entre as opções.  

Horário e dias de funcionamento: sábado e domingo, das 6h às 14h.  

Localização: Rua Perimetral, Parque Dez de Novembro, Zona Centro-Sul de Manaus.

Feira da Eduardo Ribeiro

Localizada na Avenida Eduardo Ribeiro, Centro Histórico de Manaus, a feirinha funciona nas manhãs de domingo e atrai principalmente os turistas que chegam interessados no artesanato amazônico. Nos cardápios das barraquinhas de café é possível encontrar duas paixões dos amazonenses: tapioca e o x-caboquinho. Também há lanches e almoço.

Entre os setores em exposição é possível encontrar produtos de cama, mesa e banho; de confecções em geral; de peças de madeira, arte, decoração e bichos de pelúcia; de sebos e arte indígena; de produtos infantis, com roupas e brinquedos; de bijuterias, biojoias e artesanato; e acessórios como bolsas, cintos, chapéus, chinelos e sapatos.  

Horário e dias de funcionamento: somente aos domingos, das 8h às 12h.

Localização: Avenida Eduardo Ribeiro, 537, Centro de Manaus.

Café da Naiza

O local oferece um variado cardápio com opções regionais. Na lista, estão bolos e tortas de milho e aipim, tapiocas doces e salgadas. O café com leite do local é um dos mais apreciados da cidade.

Horário e dias de funcionamento: de segunda a sábado, das 6h às 19h45, e aos domingos, de 6h às 12h.

Localização: Avenida Tancredo Neves, 2186, Flores, Zona Centro-Sul de Manaus.

Waku Sese

O expressão Waku Sese é uma saudação da etnia Saterê-Mawé e expressa o sentido de estar tudo bem. A empresa é pioneira no segmento de açaí frozen e existe desde 2001. Além do famoso açaí, no cardápio, também é possível encontrar opções de café regional. 

Horário e dias de funcionamento: segunda a sábado, das 7h a h, e domingo, das 15h a 0h.

Localização: Rua Rio Purus, 260, Vieiralves, Zona Centro-Sul de Manaus. Também há uma unidade no Manauara Shopping.

Café do Mindu

O café Divino funciona dentro do Parque do Mindu no formato de rodízio e à la carte. O local conta com uma variedade de produtos do café regional, além outras comidas típicas do Brasil.

Aos domingos, apenas o rodízio funciona. Adultos pagam R$ 30. Crianças de 0 a 5 anos têm cortesia. A entrada para crianças de 6 a 10 anos custa R$ 15. 

Em decorrência da pandemia do novo coronavírus, o café continua desativado. 

Horário e dias de funcionamento: sábados, domingos e feriados, das 7h as 13h.

Localização: Dentro do parque Municipal do Mindu, no bairro Parque Dez, Zona Centro-Sul de Manaus.

Café Criativo

O Café Criativo faz parte de um projeto de desenvolvimento gastronômico. Tem como foco a gastronomia regional, suas práticas, cardápios e temperos. O projeto mescla a gastronomia com outras atividades culturais, como música, dança, teatro, literatura, cultura popular, artes visuais, audiovisual, artesanato e comercialização de produtos da agricultura orgânica.

O cardápio é assinado pela Rota dos Chefs.  

Horário e dias de funcionamento: somente aos domingos, das 7h às 11h30.

Localização: Centro Cultural dos Povos da Amazônia, na Avenida Silves, Distrito Industrial, Zona Sul.

Casa da Pamonha

A Casa da Pamonha, nas proximidades do Largo São Sebastião, Centro de Manaus, oferece café regional com pamonha, tapiocas e sanduíches. O local também disponibiliza opções vegetarianas para o almoço. 

Horário e dias de funcionamento: de segunda a sexta, das 8h às 19h, e sábado, das 8h às 14h.

Localização: Rua Barroso, 375, Centro.

Pamonharia Goiânia

O carro chefe da casa já fica explícito no nome: pamonhas. Os sabores são variados. Há pamonhas doces, salgadas e tradicionais, além das recheadas com goiabada ou linguiça de pernil. No cardápio também estão disponíveis canjica, bolo de milho, macaxeira, tapiocas e sanduíches regionais.

Horário e dias de funcionamento: de segunda a sábado, das 7h às 19h; aos domingos, das 7h às 12h.  

Localização: : Avenida Álvaro Maia (Boulevard), 1693; DB da Ponta Negra; Vieiralves e Rua Dom Milton Correia Pereira, próximo ao Parque do Mindu.

COMPARTILHE