Manaus, 12 de julho de 2024

Moda & Beleza

Foto: Divulgação/Amakos
Foto: Divulgação/Amakos Foto: Divulgação/Amakos

Startup cria biocosméticos com insumos da Amazônia; conheça

Startup une a expertise de uma vida dedicada à beleza e ao bem-estar.

Com informações da assessoria

Duas gerações de uma família empreendedora com uma paixão compartilhada: a Amazônia. É dessa forma que nasce a Amakos, startup que une a expertise de uma vida dedicada à beleza e ao bem-estar, sob comando da especialista em estética oriental, perfumaria e aromaterapia, Soon Hee Han, e a visão contemporânea e tecnológica da geração Y, com o diretor Yuri Han, ambos são sócios da empresa.

Tia e sobrinho estão empreendendo para criar produtos de alta performance e valor agregado, contribuindo para a sofisticação da percepção do made in Amazonas e gerando renda aos povos da floresta.

A empresa, que vai inaugurar em julho, une insumos amazônicos a ações de sustentabilidade, promovendo cuidado pessoal consciente e geração de renda para quem vive em comunidades ribeirinhas e indígenas.

A Amakos lançará uma linha de cosméticos que combina a potência botânica da Amazônia com os princípios da biotecnologia verde, da sustentabilidade e do ‘clean beauty’, visando os mercados nacionais e internacionais.

“Nosso produto tem raízes na natureza, no uso ancestral das plantas amazônicas, impulsionados e certificados pela ciência. Em sinergia com a potência botânica amazônica, outros ativos tecnológicos de origem natural são acrescidos à formulação para equilibrar, ampliar e complementar os benefícios terapêuticos dos ativos amazônicos”, explica Soon Hee.

Para o lançamento, foram escolhidos três ativos amazônicos de alta complexidade: a Copaíba, o Cacay e o Sangue de Dragão por terem propriedades emolientes, anti-inflamatórias, antisséptico, regeneradores, além de serem estimulantes da síntese de colágeno e protegerem a barreira cutânea da pele.

A marca define o conceito de skincare com a introdução de produtos de alta performance, que também proporcionam uma prática de saúde emocional e social com ingredientes que são oriundos de cooperativas amazônicas, naturais, não tóxicos e cruelty free.

Para atingir seus objetivos de ESG (que significa Environmental, Social and Governance, em tradução livre: Ambiental, Social e Governança), a Amakos atua ao lado de cooperativas amazônicas e promove a produção sustentável, contribuindo para o desenvolvimento local, a geração de renda e a conservação da floresta.

A empreitada nasceu no âmbito do Programa Prioritário de Bioeconomia (PPBio), coordenado pelo Instituto de Conservação e Desenvolvimento Sustentável da Amazônia (Idesam). A estruturação da Amakos possui Laboratório de Pesquisa e Desenvolvimento, além da fábrica própria, garantindo a inovação contínua e o rigor no controle de qualidade, e transparência de informações. A fábrica está localizada no Centro de Incubação e Desenvolvimento Empresarial (CIDE), em Manaus.

“Nossa missão é transformar a imensa potência botânica amazônica, que tem milhares de espécies com potencial cosmético, em produtos de excelência, em benefício da vida, do ser humano e do bioma. Estar com a Amakos localizada no Estado do Amazonas, próximo das cooperativas, gerando recursos para a região e apoiando práticas de sustentabilidade no bioma amazônico, é fundamental para o desenvolvimento sustentável da região”, explica Yuri Han.

Ainda segundo ele, “o foco é trabalhar a saúde da pele sob dois pontos de vista: o físico, por meio de fórmulas naturais de alta tecnologia, e o emocional, por meio do fair trade e da economia sustentável”.

Sustentabilidade

A partir dessa conscientização, a Amakos desenvolveu a metodologia “3Ms”, que é a sua bússola norteadora tanto no Programa de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), quanto na fabricação dos produtos. Cada “M” tem um objetivo e os três se interligam. O primeiro M é de Melhor aparência (Look Good), o segundo M é de sentir-se Melhor (Feel Good) e o terceiro M é fazer o Melhor (Do Good).

“A metodologia dos 3Ms vai ao encontro dos anseios contemporâneos dos consumidores que combinam a vontade de uma rotina de autocuidado eficaz, simples e potente. Mas que também tem consciência do impacto do seu consumo no planeta, além de serem ‘empoderados’ e saberem que o seu poder de consumir pode beneficiar, e impactar pessoas e regiões. São consumidores mais focados na qualidade e na sustentabilidade dos produtos utilizados”, comenta Soon.

De acordo com ela, esse consumidor se preocupa com o uso de cosméticos que não poluem o meio ambiente, sem testes em animais, além de serem limpos, livres de sulfatos, parabenos e substâncias que possam afetar a saúde. “Esse é o público que a Amakos quer atender”, explica Yuri Seung Han.

Além disso, a empresa abraça a produção sociosustentável, por isso seus insumos são oriundos de comunidades da Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Uatumã, no Amazonas, e da Serra do Tepequém, em Roraima. Aproximadamente 400 famílias serão diretamente beneficiadas com a parceria.

Processo natural e saudável

Um dos diferenciais da Amakos é que a marca não prioriza “rejuvenescer” numa tentativa de reversão de um processo natural do viver, que é o envelhecer, mas fortalecer os diferentes elementos que auxiliam na integridade da pele e da sua capacidade de auto regeneração, evitando o envelhecimento precoce. Além da biotecnologia dos ativos cosméticos, a marca utiliza aromas botânicos que atuam tanto na derme quanto no campo emocional.
“A pele sofre todo tipo de impacto rotineiramente. Os objetivos do skincare da Amakos são o fortalecimento da capacidade de auto regeneração e estrutura, auxiliando a manter a integralidade e a prevenir o envelhecimento precoce da pele. O resultado se mostra tanto em seu aspecto visível, quanto na maciez e luminosidade, além do seu aspecto estrutural, a nível de tecido, como o colágeno e a elastina. Assim, os produtos cuidam, previnem e retardam o envelhecimento precoce da pele”, relata Soon Hee Han.

Produtos

Cada linha dos produtos (Copaíba, Cacay e Sangue-de-Dragão) atende tipos de peles específicas e é composta por sérum facial, creme facial e loção corporal. Porém, a linha de copaíba possui uma espuma de limpeza que atende a todos os tipos de pele.

Todas as linhas foram formuladas dentro do princípio Amakos de relações sinergéticas de ativos amazônicos de alta complexidade (Amakos super complexos Botânicos™), com blend de vitaminas de origem natural, aliados a ativos biotecnológicos e perfumaria botânica funcional. Os insumos amazônicos que batizam a linha foram escolhidos por suas propriedades e benefícios para a pele.

Sobre a Amakos

A Amakos é uma startup brasileira que desenvolve pesquisas inovadoras sobre a biodiversidade da região Amazônica, resultando em cosméticos voltados à beleza, saúde e bem-estar com insumos botânicos de origem controlada e eficácia comprovada. Unindo ciência, tecnologia e sustentabilidade, a Amakos pretende transformar ativos botânicos amazônicos em produtos de alto valor agregado, apreciados por consumidores contemporâneos, que valorizam o autocuidado e consideram o impacto do seu consumo no planeta. Este conceito se resume no slogan da marca “beleza que mantém o mundo” e também norteia a empresa, por meio de boas práticas e impacto positivo em toda a cadeia produtiva.

No laboratório de Manaus são desenvolvidas fórmulas limpas, sustentáveis, cruelty-free, livres de parabenos e de toxicidade, oferecendo produtos que mantém e protegem a beleza, e saúde da pele enquanto cuidam do planeta. A fábrica, instalada no centro da Amazônia, gera emprego urbano e renda para as cooperativas que promovem a floresta em pé. Além disso, um processo rígido de ESG garante o compromisso da marca de ser o mais verde possível em todo o processo.

COMPARTILHE

error: Este conteúdo está protegido!