Manaus, 16 de julho de 2024

Música

Série ‘La Xunga Sônica’ destaca artistas amazonenses de diferentes estilos

A proposta é difundir a produção musical do Amazonas.

Com informações da assessoria

Está no ar a série ‘La Xunga Sônica‘, que apresenta, em quatro episódios, artistas amazonenses de diferentes estilos. A proposta é difundir a produção musical do Amazonas. O projeto, disponível no YouTube, tem a participação do cantor Antonio Henn e das bandas Eisenhell, Tudo Pelos Ares e Johnny Jack Mesclado.

Segundo Beto Montrezol, um dos produtores do projeto, cada episódio tem, em média, 15 minutos de duração e traz entrevistas sobre a trajetória dos artistas e duas músicas gravadas no estúdio.

O guitarrista Antonio Henn. Foto: Divulgação

“No episódio de abertura, conversamos com Antonio Henn sobre a carreira como guitarrista e compositor de músicas instrumentais”, afirma Montrezol. “Além do instrumental, o projeto reuniu ainda estilos como rock’n’roll, death metal e reggae”, completa.

As gravações aconteceram em 2021. O produtor explica que a iniciativa propõe intercâmbio entre grupos e experiências na música independente do Amazonas.

“A partir do projeto, a proposta é incentivar a formação de novos coletivos em música e ações formativas para mais profissionais da área, como produtores e articuladores e, claro, fortalecer a produção independente”, comenta Montrezol.

A série ‘La Xunga Sônica’, parceria da La Xunga Produções com o Estúdio Supersônico, foi contemplada no edital Prêmio Equipa Cultura, que faz parte das ações emergenciais da Lei nº 14.017/2020, conhecida como Lei Aldir Blanc, operacionalizada no estado pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa.

COMPARTILHE

error: Este conteúdo está protegido!