Manaus, 7 de agosto de 2022

Festival de Parintins

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação Foto: Divulgação

Aplicativo ‘Parintins Leva e Traz’ é alternativa de transporte na terra do boi-bumbá

APP parintinense é diferencial para turistas durante o Festival 2022.

Por Edilene Mafra

A terra do boi-bumbá agora conta com o ‘Parintins Leva e Traz’, serviço de transporte por aplicativo que atende moradores e visitantes da ilha. Saiba como funciona e como solicitar.

O app (sigla da palavra em inglês para Application) foi desenvolvido para o mercado local em 2019 e está disponível para dispositivos eletrônicos nas linguagens IOS e Androide, com preços acessíveis, desde fevereiro de 2021.

O aplicativo foi criado no começo da pandemia da Covid-19. Na ocasião, o decreto estadual em vigor limitava a circulação de pessoas e a cidade de Parintins não contava com muitas alternativas de transporte para atender a população.

Conforme os criadores, o nome, ‘Parintins Leva e Traz’, faz alusão a pessoas ‘fofoqueiras’ – que costumam fazer um ‘leva e traz’ de informações.

‘Parintins Leva e Traz’ é alternativa de transporte por aplicativo na terra do boi-bumbá. Foto: Divulgação

Como baixar o app

O app parintinense é intuitivo e está disponível para os sistemas IOS e Androide, a exemplo de outros mais conhecidos no mercado, como Uber e 99.

O sistema permite a visualização de mapa com as ruas de Parintins, monitoramento da localização dos veículos, cálculo de valor das viagens, identificação dos motoristas e clientes e até agendamento para futuras corridas.

Os valores das corridas variam de R$ 6,99 a R$ 36.

Nadson Silva, criador do app, explica que, por causa dos problemas de acesso à internet em alguns pontos de Parintins e zona metropolitana, o aplicativo possui um diferencial: o atendimento por WhatsApp.

“A gente criou um aplicativo para solucionar o problema de transporte, que era muito caro na pandemia. Ele mostra as informações sobre o motorista, cliente, destino e valores. Mas, também oferecemos uma opção para os ribeirinhos ou pessoas que não têm smartphones. Eles podem ligar para a central ou enviar mensagens via WhatsApp, e enviamos um carro para atendê-los com o mesmo valor que seria cobrado, se tivesse pedido pelo app”, detalha.

Veja a simulação de valores calculados em 15 de junho de 2022 referentes aos pontos mais buscados por clientes.

Fotos: Divulgação

Inovação

Atualmente, a frota do serviço conta com aproximadamente 100 veículos para atender a cidade de Parintins.

Para Nadson Silva, o negócio também gerou renda aos parintinenses, que estavam sem emprego durante a crise econômica no início da pandemia.

Por meio de parcerias com o empresariado local, os motoristas do app também contam com descontos em postos de gasolina, descontos em peças e crediários em lojas.

De acordo com o criador do aplicativo, outras parcerias estratégicas já foram firmadas com secretarias estaduais e agências de turismo, para qualificação e ofertas de serviços.

Segurança dos dados

De acordo com Nadson Silva, o serviço tem amparo na lei federal 13.640, de 26 de março de 2018, que regulamenta o transporte remunerado privado individual de passageiros. Ele também garante que há sigilo dos dados dos clientes.

“As informações disponíveis aos usuários são apenas as necessárias e o cadastro pode ser realizado via contas do Facebook e Gmail. Os motoristas e clientes só visualizam nome, foto de identificação, localização, destino e valor da corrida. Em caso de algum problema, o cliente pode fazer contato com a central para resolvê-lo”, esclarece.

Contatos

O interessado em obter mais informações sobre o serviço, pode entrar em contato pelo número (92) 98487-2470 ou pelas redes sociais: Instagram (@parintinslevaetraz) e Facebook, https://web.facebook.com/Parintinslevaetraz.

Regulamentação

Além do ‘Parintins Leva e Traz‘, a cidade conta com o aplicativo ‘Urbano Norte‘.

De acordo com a Prefeitura de Parintins, nenhum aplicativo de transporte está regulamentado pelos órgãos municipais para a atuar na cidade.

COMPARTILHE