Manaus, 17 de junho de 2024

Amazônia

Foto: Diego Peres/Secom
Foto: Diego Peres/Secom Foto: Diego Peres/Secom

Em visita ao Teatro Amazonas, presidente da Alemanha anuncia 35 milhões de euros ao Fundo Amazônia

Fundo Amazônia foi reativado pelo presidente Lula.

Com informações da assessoria

O presidente da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier, visitou Manaus na manhã desta segunda-feira, 2 de janeiro de 2023. Em passagem pelo Teatro Amazonas, ele anunciou o repasse de 35 milhões de euros ao Fundo Amazônia, reativado pelo presidente Lula.

No Amazonas A autoridade, que está em visita oficial no Brasil, foi recebida pelo governador Wilson Lima.

Frank-Walter Steinmeier esteve no Estado para conhecer ações e projetos ambientais desenvolvidos com apoio do governo alemão.

Na ocasião, durante visita guiada a um dos principais cartões postais do estado, Wilson Lima destacou que os investimentos feitos pelo governo da Alemanha, por meio de uma cooperação oficial, têm gerado frutos como ações de combate ao desmatamento na Amazônia e incentivo à produção rural sustentável no estado.

Governador Wilson Lima recebe o presidente da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier. Foto: Diego Peres/Secom

“A minha primeira agenda oficial como governador nesse segundo mandato é a visita do presidente da Alemanha, uma visita muito simbólica para o estado do Amazonas, para a Amazônia e para o mundo. Porque isso passa um recado da preocupação que a gente tem com a proteção dos nossos ativos ambientais, mas sobretudo da proteção da população”, afirmou Wilson Lima.

O presidente da Alemanha anunciou investimentos do país da ordem de €35 milhões para o Fundo Amazônia. O valor equivale a R$ 192,8 milhões.

O Fundo Amazônia, que financia projetos de redução do desmatamento e fiscalização do bioma, foi reativado por Lula logo após a posse dele como presidente do Brasil.

Presidente da Alemanha Frank-Walter Steinmeier e o governador Wilson Lima no Teatro Amazonas. Foto: Diego Peres/Secom

Alemanha e Amazonas

O presidente Frank-Walter Steinmeier veio ao estado do Amazonas para conhecer os resultados de projetos e ações que contam com investimentos feitos pelo governo alemão, a exemplo da Torre Atto, em São Sebastião do Uatumã (distante 247 quilômetros de Manaus), que monitora as condições climáticas da região e as questões do efeito estufa, coordenada por pesquisadores brasileiros e alemães.

Wilson Lima destacou que o país europeu é o principal parceiro do Amazonas e que essa parceria com o governo estadual proporcionou investimentos em projetos de prevenção e combate ao desmatamento, incluindo a estruturação da sede da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) e do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), além de um projeto voltado a agricultores de incentivo ao uso sustentável do solo em unidades de conservação estadual, também com investimentos da Alemanha.

COMPARTILHE

error: Este conteúdo está protegido!