Manaus, 6 de julho de 2022

EVENTOS

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação Foto: Divulgação

Musical ‘Efêmera’ apresenta sessão única no Teatro Manauara

Espetáculo será apresentado nesta quinta-feira (21/10), às 20h.

Com informações da assessoria

O musical ‘Efêmera’ será apresentado, nesta quinta-feira (21/10), às 20h, em sessão única, no Teatro Manauara, Zona Centro-Sul de Manaus. A apresentação faz parte do repertório do Coletivo Kanauã, que retoma aos poucos seus trabalhos e agenda presencial, após meses parado por conta da pandemia.

Com classificação indicativa de 16 anos, a peça de teatro conta com entrada gratuita para a sessão e seguirá os protocolos sanitários indicados pelas autoridades, para prevenção à covid-19.

Conforme informações do coletivo, o espetáculo já caiu no gosto de muitas pessoas por tratar de um tema sensível e desconhecido por muitos, a vida de travestis e mulheres trans. O roteiro do trabalho é fruto de pesquisas que se deram a partir do cotidiano dessas pessoas.

“A essência do trabalho está ligada diretamente à vida das travestis e mulheres trans que, em muitos casos, são subjugadas pelo retrato geral que temos delas. Retrato esse que relaciona a travesti aos crimes de roubos e furtos, às infecções sexualmente transmissíveis e à dependência às drogas”, afirma Fran Martins, ator do espetáculo.

Espetáculo trata de um tema sensível e desconhecido por muitos, a vida de travestis e mulheres trans. Foto: Divulgação

Aspectos do musical

Os índices alarmantes de violência, incluindo assassinatos dessa população, são retratados na peça. Esses números deixam o Brasil entre os países que mais violentam e matam pessoas trans.

Segundo o Grupo Gay da Bahia, 237 mortes violentas (de LGBT+) foram registradas em 2020, em seu relatório, que é feito anualmente com levantamentos de todo o país.

“Mesmo o STF equiparando os crimes de homofobia e transfobia ao crime de racismo, o que já é uma grande conquista, o Brasil continua entre os países que mais registram mortes violentas da população LGBT+. Nossa peça expõe esses índices que, além de preocupantes, são muito tristes, uma vez que o Brasil é tão multicultural e miscigenado”, destaca Wilhan Santos, produtor da peça.

Além do teor dramático, o espetáculo também traz cenas de humor. A produção afirma que a peça tem altos e baixos nos carácteres da narrativa, contando, inclusive, com o pajubá, dialeto com palavras oriundas das religiões de matrizes africanas e aportuguesadas pelas travestis, difundido em todo o território nacional por integrantes e não integrantes da comunidade.

Espetáculo

De acordo com o Coletivo Kanauã, dublagens, brigas e concurso de beleza estão presentes no trabalho, que tem duração de uma hora por sessão.

“Do drama ao humor, ‘Efêmera’ comunica e sensibiliza a sociedade a estar alerta aos problemas que vivemos diariamente. Estreitando relação com essas pessoas que merecem nosso respeito e devida atenção”, resume Franklin Raikar, diretor musical da obra.

As personagens Donna e Palmer são vividas pelos atores Fran Martins (Coletivo Kanauã) e Rafael Albuquerque, que protagonizam momentos cômicos e informativos.

SERVIÇO

Evento: musical ‘Efêmera’ com sessão única
Data: quinta-feira, 21 de outubro
Horário: 20h
Local: Teatro Manauara, situado dentro do Manauara Shopping, Zona Centro-Sul de Manaus
Entrada: gratuita

COMPARTILHE