Manaus, 25 de maio de 2024

EVENTOS

Foto: Márcio James/SEC
Foto: Márcio James/SEC Foto: Márcio James/SEC

EVENTO CANCELADO: ‘Festival Amazonas de Ópera 2024’ ocorre de 16 de abril a 26 de maio

Programação contempla cinco grandes óperas.

Com informações da assessoria

O ‘Festival Amazonas de Ópera 2024‘ ocorre de 16 de abril a 26 de maio. A programação contempla cinco grandes óperas com apresentações no Teatro Amazonas.

NOTA DA REDAÇÃO: a organização informou que este evento foi cancelado.

SAIBA MAIS

‘Festival Amazonas de Ópera 2024’ é cancelado após redução orçamentária

A Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Amazonas (SEC-AM) fez o anúncio durante o encerramento da 25ª edição do festival, no domingo.

Foto: Márcio James/SEC

PROGRAMAÇÃO

O ‘Festival Amazonas de Ópera 2024’ divulgou parte da programação:

  • ‘Simon Boccanegra’, de Giuseppe Verdi, nos dias 16, 18 e 20 de abril
  • ‘O Afiador de facas’, de Piero Schlochauer, nos dias 5 e 12 de maio
  • ‘Lakmé’, de Léo Delibes, nos dias 28 de abril, 4 e 18 de maio
  • concerto ‘Gala Puccini’, no dia 1º de maio;
  • ‘Alma’, de Claudio Santoro, nos dias 17, 22 e 25 de maio e
  • ‘Fedora’, de Umberto Giordano, nos dias 19, 23 e 26 de maio.

A ópera ‘Alma’, do compositor amazonense Claudio Santoro, já foi apresentada no segundo festival.

Segundo o secretário de Cultura, Marcos Apolo Muniz, a divulgação das atrações de 2024 ajuda no planejamento do público. “A gente permite que as pessoas que queiram conhecer o Amazonas, o teatro, a nossa cultura, possam se planejar para vir ao nosso estado”, reforçou.

Na avaliação da diretora executiva do FAO, Flávia Furtado, o festival do Amazonas passou a ser líder da ópera na América Latina. “Estamos em uma maturidade. Agora é colher os frutos, fazendo o trabalho que a gente fez, dando cada vez mais acesso e oportunidade de cultura e da economia criativa se desenvolver no estado”, disse.

O ‘Festival Amazonas de Ópera 2024’ conta com participação dos corpos artísticos do estado, como Amazonas Filarmônica e o Coral do Amazonas, além da atuação dos profissionais locais da Central Técnica de Produção (CTP), responsáveis pela construção dos cenários das montagens levadas ao palco do Teatro Amazonas.

O festival reserva, ainda, atrações nos espaços culturais de Manaus e nos municípios do Amazonas.

COMPARTILHE

error: Este conteúdo está protegido!