Manaus, 3 de julho de 2022

EVENTOS

Foto: Divulgação/Renner Carneiro
Foto: Divulgação/Renner Carneiro Foto: Divulgação/Renner Carneiro

Lucilene Castro estrela ‘Domingo Autoral’ no Teatro da Instalação no domingo (18)

Cantora recebe Aline Fagan, às 19h, para show gratuito.

Lucilene Castro vai apresentar um setlist de compositores amazonenses, no domingo (18/10), às 19h, no Teatro da Instalação, em Manaus. Estrela do ‘Domingo Autoral’ da semana, a cantora recebe Aline Fagan para dividir o palco no projeto do Governo do Amazonas.

A Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa destacou que a apresentação tem entrada gratuita. Para ter acesso, o interessado precisa fazer agendamento pelo Portal da Cultura (cultura.am.gov.br). O número de vagas é limitado para 70 pessoas, conforme os protocolos de segurança e prevenção à Covid-19.

O Teatro da Instalação está localizado na rua Frei José dos Inocentes, Centro

Segundo o secretário Marcos Apolo Muniz, o show vai ser transmitido pela TV Encontro das Águas, no canal 2.1, da TV aberta, e pelo Facebook da Secretaria de Cultura. Ele explicou que a proposta é ampliar a visibilidade do trabalho autoral produzido no Amazonas.

“Neste caso, contamos com a TV Encontro das Águas, que tem sido parceira em todos os nossos projetos”, afirmou. “Estamos trabalhando a nossa programação para oferecer entretenimento para o público que vai ao teatro e principalmente para quem segue em isolamento social”, disse.

Show

Para uma hora de apresentação, Lucilene Castro estará acompanhada dos músicos Célio Vulcão nos teclados, Ênio Prieto no sax e flauta e Airton Silva na bateria.

“Vou apresentar parte do repertório do show em comemoração aos meus 25 anos de carreira, com compositores amazônicos como Chico da Silva, Nícolas Jr, Júnior Rodrigues e Papaco do Samba”, adiantou a artista. “Aline Fagan, cantora de muito talento, canta muito bem jazz, vai mostrar a música regional nesse estilo. Vamos cantar juntas, mas é surpresa, quem for assistir, vai ficar encantado porque ela é maravilhosa”, destacou.

Trajetória

Com 25 anos de carreira, Lucilene Castro lançou oito discos e coleciona títulos de ‘melhor intérprete’ em festivais de música, entre eles Festival da Canção de Parintins (1991), Festival Universitário de Música do Amazonas (1993) e o mais recente, Prêmio Grão de Música (2019).

Ela também atuou em vários musicais, como ‘Boi de Pano’, ‘Mulheres do Brasil – Cantoras do Amazonas’, ‘Maria, Maria – Uma Viagem Pelo Universo Feminino’, ‘Caia Na Gandaia – Um Revival Dos Anos 70’ e ‘Paixão, Louca Paixão’.

No caso das participações em espetáculos se destacam ‘Mas Podem me Chamar de Chico’ e ‘Elas Cantam Samba’.

Projeto

O ‘Domingo Autoral’, proposta criada em parceria com os músicos Celdo Braga e Nícolas Júnior, chega à segunda temporada, para formar plateias e ampliar a visibilidade de trabalhos autorais do Amazonas.

Em novembro, a agenda tem Célio Cruz, no dia 1º, e Salomão Rossy, no dia 29. E, em dezembro, vai ser a vez de Lucinha Cabral, no dia 6, e de Lucevilson de Souza, no dia 20.

Protocolos

Segundo a Secretaria de Cultura, o Teatro da Instalação adotou todos os protocolos para prevenir a transmissão da Covid-19, como distanciamento social de 1,5 metro, totens de álcool em gel em pontos estratégicos, funcionários treinados e com equipamentos de proteção, aferição de temperatura na entrada do espaço e limpeza e higienização do local.

O uso de máscara é obrigatório.

A saída do público após os eventos é realizada de forma imediata e não é permitida a permanência do público nos corredores do espaço.

SERVIÇO

COMPARTILHE