Manaus, 5 de julho de 2022

EVENTOS

Foto: Erika Anatoli/Divulgação
Foto: Erika Anatoli/Divulgação Foto: Erika Anatoli/Divulgação

Com duas apresentações gratuitas, espetáculo Sisma estreia neste sábado

A artista manauara Lis Nobre apresenta a performance de circo.

O espetáculo Sisma terá duas apresentações online, direto da Grécia. A estreia ocorre no sábado (15/5), e a uma outra apresentação será realizada no domingo (16/5). O trabalho de circo contemporâneo é um solo da artista manauara Lis Nobre e tem direção do grego, Xristo kaouki.

Nos dois dias, as apresentações serão realizadas às 16h, no canal Projeto Sisma no YouTube.

Lis Nobre saiu de Manaus há mais de 20 anos em busca de formação e especialização em circo. Hoje, a artista vive entre o Brasil e a Grécia.

Sisma é um trabalho com fortes referência autobiográficas de Lis, já que surgiu a partir de uma experiência pessoal da artista durante um terremoto na Grécia. Do trauma, nasceram as primeiras ideias e concepções sobre o projeto.

“Sisma nasce do encontro entre abalos sísmicos e rupturas identitárias. Nasce de uma Sisma sobre ser quem se é, em trânsito por diversos territórios”, explicou Lis Nobre.

Foto: Erika Anatoli/Divulgação

Prêmio Feliciano Lana

O projeto é um dos contemplados no edital Prêmio Feliciano Lana, promovido pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Amazonas (SEC-AM) com recursos da Lei Aldir Blanc.

O espetáculo seria apresentado no Teatro Amazonas. Mas, devido à pandemia da Covid-19, a equipe precisou adaptar a apresentação, que será gravada e transmitida pela internet.

O público terá acesso gratuito, mas deverá fazer uma cadastro no Sympla (https://www.sympla.com.br/sisma–estreia-online__1197022).

Foto: Erika Anatoli/Divulgação

Após as apresentações, parte da equipe vai participar de uma conversa com o público. A ideia é falar sobre os desafios de produzir um espetáculo em tempos de isolamento social.

Lis está na Grécia, a dramaturga, Juliana Patilla vive em São Paulo, a colaboradora, Yara Costa, se encontra em Manaus e o diretor do espetáculo, Xristo Kaouki, mora na França. Todos eles irão participar do bate-papo e trocar experiências com os internautas.

Lis Nobre já conhecia Yara Costa desde quando morava em Manaus. Com Juliana Patilla o encontro já rendeu outros trabalhos e com Xristo o encontro é mais recente, há apenas dois anos.

“Ambos vivemos parte do ano na Grécia, então já sabíamos da existência um do outro e o que nos conectou foi a nossa pesquisa em circo contemporâneo”, comentou o diretor.

SERVIÇO

Evento: Sisma – Performance de circo contemporâneo
Data: 15 e 16 de Maio ( sábado e domingo) às 16h
Onde: No canal Sisma no You Tube
Quanto: Gratuito

COMPARTILHE